Sobre o blog

Este blog é sobre a formação da criança enquanto pessoa. Sua perspectiva é a da responsabilidade parental. E seu horizonte é principalmente o das famílias urbanas contemporâneas, que patinam num terreno movediço em que tudo concorre para a sua mais completa desorientação.

O processo de formação da criança enquanto pessoa compreende conquistas de natureza física, social, afetiva, intelectual e moral. Nesse sentido, tão complexo e abrangente, a educação não pode ser encarada como uma ciência, ou seja, como um conhecimento sistemático, testado, passível de ser transmitido e aplicado de maneira objetiva. Antes, a atividade de educar remete ao plano da arte, ou da técnica, pois além de requerer uma boa dose de sensibilidade e criatividade (virtudes que não podem ser ensinadas, embora possam ser cultivadas), exige a mobilização de habilidades e saberes muito diversos e heterogêneos, que precisam ser articulados e postos em prática de maneira específica em cada situação.

“Cada caso é um caso”: quando se trata de educação, esse truísmo precisa ser constantemente lembrado. Cada pessoa é um indivíduo único no mundo, e o principal trunfo para uma educação bem-sucedida é conhecer bem a criança, suas tendências, seu temperamento, sua forma natural de estar no mundo. Esse conhecimento é construído cotidianamente, pela via da atenção e do cuidado. Mas é preciso envolver-se de corpo e alma nessa relação, disponibilizar tempo, fazer dela uma prioridade.

Por essas razões, este blog não se propõe a ser um tutorial. Embora eu tenha uma visão relativamente clara do que considero ser uma pessoa bem formada e pretenda compartilhá-la com os meus leitores, não tenho aqui a intenção de ensinar o caminho das pedras. Simplesmente porque, quando se trata de educação, não acredito em fórmulas universais e métodos pret-à-porter. O caminho é específico e único para cada criança e para cada família. Ele precisa ser descoberto na interação cotidiana, e isso será tanto mais fácil quanto melhor for a qualidade da relação entre pais e filhos.

Mas o que pode ser um blog dedicado à educação, voltado sobretudo para os pais, se ele não se propõe a ser uma espécie de manual? Infância bem cuidada é, antes de tudo, um manifesto a favor do engajamento pleno e criativo dos pais na educação de seus filhos. Um espaço de compartilhamento de ideias, opiniões, reflexões e dicas, cuidadosamente pensadas e elaboradas com a intenção de servir de apoio e de estímulo àqueles pais que se dispuseram a cumprir sua tarefa, mas sentem necessidade de interlocução. Ao mesmo tempo, é uma chamada aos mais hesitantes para que assumam o papel que lhes cabe e que ninguém será capaz de cumprir no lugar deles.

Afinal de contas, o que pode ser mais importante do que cuidar bem das crianças?

2 comentários sobre “Sobre o blog

  1. Excelente e imperdível para os que têm crianças (ou para os que não têm), o Blog “Infância Bem Cuidada” de Cris Lasmar.

    E compartilhe no Facebook, Twitter, Google, etc., para o bem de seus filhos, seus netos e os filhos e netos dos outros !

    Curtir

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s